23 julho 2008

DESAFIO



No dia 4 de Julho, podia ler-se esta frase no Correio da Manhã:


«O primeiro-ministro José Sócrates reduziu ao máximo os compromissos governamentais para ficar ao lado do irmão, António Pinto Sousa, 45 anos, internado em estado grave na Corunha, Espanha, para ser submetido a um transplante pulmonar.»

Desafiamos os leitores a descobrirem o erro que nela está presente.

10 comentários :

Anónimo disse...

Tirando o reduzir ao máximo vs reduzir ao mínimo, está ali dito que o Sócrates vai ser submetido a um transplante pulmonar, quando o paciente é o irmão.

Jorge da Luz disse...

Concordo com o anónimo. Reduzir ao máximo não me parece que exista. Reduzir, só pode ser ao mínimo.

José disse...

Boa noite!É ou não correcto dizer-se "reduzir o máximo possível"?Não é sinónimo de "reduzir ao minímo"?Obrigado.

Anónimo disse...

Ui. . .

anti-melgas disse...

O José Sócrates e a brincalhona deveriam ser reduzidos ao mínimo.

anti-melgas disse...

Emboscada e Brincalhona são nomes idiotas. Arranja outro. Pensa um pouco, consegues? Ora aqui está um novo desafio.

Hugo Pereira disse...

Diria que há 2 erros nessa frase e nenhum deles coincide com os que foram apontados (erradamente, aliás):

1º: O primeiro-ministro José Sócrates: Devem ser usadas maiúsculas, quando nos referimos ao título.
Correcto: "O Primeiro-Ministro"

2º: O primeiro-ministro José Sócrates reduziu: Deve-se usar vírulas para separar esta porção da frase.
Correcto: "O Primeiro-Ministro, José Sócrates, reduziu"

Quanto à expressão "reduziu ao máximo", não existe qualquer erro!!
Tanto se pode dizer "reduziu ao máximo" como "reduziu ao mínimo".

No primeiro caso, estamos a dizer que se "maximizou a redução" de algo. O que equivale a dizer que se efectuou uma redução "para o valor mínimo".

Errado seria dizer que "reduziu para o máximo os compromissos governamentais". Dado que reduzir só pode ser "para o mínimo".

Como podem ver aqui, é usada mesma expressão por um especialista em português: http://ciberduvidas.sapo.pt/pergunta.php?id=12173

Isabel disse...

Ó Hugo, é impossível dizer que tanto 'reduzir ao máximo' como 'reduzir ao mínimo' estao certas e querem dizer a mesma coisa, ou melhor, acabamos com o mesmo resultado!

Reduzir ao mínimo quer dizer reduzir para o mínimo... Reduzir significa sempre tornar mais pequeno.

E concordo consigo nas maíusculas mas eu achava que isso era uma regra antiga.... não é?!

aluna fixe disse...

Oi pessoal, reduzam-xe ao mínimo e vão d férias. Deixem as storas em pax. Ke setembro venha bué deprexa.

Hugo Pereira disse...

Não compreendo este uso abusivo de "x", pelos alunos ditos "fixes".

É para falarem como se tivessem um aparelho nos dentes ou fossem "sopinhas de massa"??

É que não pode ser para poupar letras, porque nesta frase poucas letras se pouparam:

"Oi pessoal, reduzam-xe ao mínimo e vão d férias. Deixem as storas em pax. Ke setembro venha bué deprexa."

Pessoal: aqui de facto, com a regras dos "x", podia-se ter poupado: pexoal

reduzam-xe: bem, onde está a diferença de letras para "reduzam-se"?

pax: idem aspas (paz)

Ke: esta então é muito estúpida. Ou se põe apenas o "k" ou o "q" para poupar (pelo menos é o que se aprende na estenografia)

deprexa: aqui já se usou a regra de substituir por "x" os "ss", ao contrário do pessoal. Porquê?

Sejam fixes... não sejam PARVOS!! :D

Tá-se!!