31 março 2008

“Terá ques” que parecem não incomodar (quase) ninguém



A mim, devo dizer, incomodam-me os “terá ques” que tanta gente anda por aí a soltar, como se nada fosse, na primeira oportunidade. Mas não me parece que, além de mim, haja quem se importe com isso. No fundo, talvez seja uma questão de justiça: “não me importo com os “terá ques” dos outros, porque também não quero que se incomodem com os meus.”

E assim os vamos ouvindo inúmeras vezes, dia após dia: «terá que se fazer...», «terá que ser visto...», «lá terá que ser!». A realidade é mesmo esta, infelizmente: muito pouca gente tem a decência de se conter, ou melhor, de substituir esses “terá ques” todos, como deveria, por algo mais sensato: “terá des”. Porque a verdade é essa: seria muito mais adequado dizer antes «terá de se fazer...», «terá de ser visto...», «lá terá de ser!»

Quanto a mim, apesar de tentar evitar os “terá ques” a todo o custo, confesso que o facto de os ouvir a toda a hora acaba por me influenciar. Por vezes, lá me apanho a mim própria quando já é tarde de mais. E afinal, ninguém se preocupa, porque é do que mais se ouve nos dias que correm. Só me falta descobrir que os “terá ques” foram consagrados, que já se podem soltar sem receio de estar a atentar contra o bom senso e o bom gosto.


PS - Desculpem a brejeirice da abordagem, mas o tema estava mesmo a pedi-las!

2 comentários :

Pipa disse...

lol... fartei-me de rir!!! Mas é uma grande verdade. Até eu acho que caio nesse erro de vez em quando.
Bjs

Luis Filipe Freire Ferreira disse...

Lol... pois eu também tenho de rir... Lá "Terá que"ser... Está visto! Com tanto "Terá que"...
Disse... visto... deveria ser ouvido... que confusão... Temos de parar com "terá ques" que incomodem, desorientem e confundam...
E o melhor mesmo... é que o vosso "Blogue" continue assim! Terá de ser!

Cumprimentos... e nesta quadra... BOAS FESTAS PARA TODOS!