07 janeiro 2008

A hélice ou o hélice?


Hélice
tem várias acepções distintas, que acarretam a alteração do género.
No âmbito da geometria, enquanto espiral ou curva, o termo é feminino.
No âmbito da náutica e da aeronáutica, enquanto órgão propulsor, hélice é nome feminino, embora seja cada vez mais frequente, na aeronáutica, o seu uso no masculino, o que alguns dicionários mais recentes já contemplam.
No âmbito da anatomia, quando designa o rebordo do pavilhão auricular, hélice é sempre um nome masculino.

13 comentários :

Anónimo disse...

Julgo que é na náutica que sempre se utilizou o termo no masculino, e não o contrário... pode esclarecer-me se foi gralha, ou é assim?

S. Leite disse...

Tanto quanto pude apurar, é mesmo assim. Quando muito, é substantivo de dois géneros, na náutica (eng. mecânica), ou seja, pode ser feminino ou masculino.

Natália disse...

Na verdade o termo se diferencia quanto ao seu uso. Concordo que se for tratar de geometria helicoidal o correto é feminino e quando tratamos da anatomia é masculino. Porém no caso da utilização náutica ou aeronáutica é usado no masculino se o meio fluido for líquido, e feminino se o meio fluido for gasoso. Ou seja, para a náutica usa-se "O hélice" e para a aeronáutica "A hélice".

Anónimo disse...

Ou seja, é um termo hermafrodita ou unissex??

Regis Olivetti disse...

Deveria ser masculino. O "elemento" de hélice e não simplesmente "a" ou "o" hélice, como um "elemento" helicoide de onde surge a ideia de hélice. Em resumo se formos analisar a origem do termo hélice deveria ser masculino.

Marcelo Gomes disse...

Na Força Aérea o gênero está consolidado como " a hélice do avião".

Allexandre Pereira disse...

O eixo é hélice e as pás é que são desse eixo e vulgarmente chamadas de "hélices".
Tudo que é errado quando dito milhões de vezes pelo analfabetos acaba virando o certo assim a "perícia" acabou virando "peritagem" pois os juízes se cansaram de tentar consertar os erros de "adêvogados" e hoje em dia se abrir o dicionário vais encontrar a palavra errada lá. E essa também vai estar lá como está aqui também.

Allexandre Pereira disse...

O correto é o hélice pois o eixo é hélice, as pás é que são desse eixo.

Anónimo disse...

NAVAL: o hélice. AERO: a hélice.

Anónimo disse...

Deveria ser SEMPRE NO FEMININO:
O Vocabulário da Língua Portuguesa (Coimbra: Coimbra Editora, 1966), de Rebelo Gonçalves, considerado uma das referências máximas na lexicografia portuguesa, regista hélice apenas como substantivo feminino, respeitando o étimo latino feminino helix, -icis com a seguinte nota em aditamento “Corrente, mas etimologicamente inexacto, o gén. masc.”.
Exceção feita ao uso na Medicina, já que no mediquês tudo é submetido "à superioridade" arrogante dos doutores...

Cláudio VT disse...

Este último comentário está ótimo. Infelizmente estamos vivendo num mundo que já admite absurdos como uma dupla do mesmo género ser chamada de casal...

Cláudio VT disse...

Este último comentário está ótimo. Infelizmente estamos vivendo num mundo que já admite absurdos como uma dupla do mesmo género ser chamada de casal...

Isaac Lucena disse...

Resumindo...
Pela Academia Brasileira de Letras: Substantivo de 2 gêneros.
Eu aplicaria como vem sendo aplicado.
- Na marinha (masculino)
- Na aeronáutica (feminino)