29 setembro 2008

"Prequela"???

Um destes dias perguntaram-me se conhecia a palavra "prequela", supostamente o oposto da sequela.
Admiti a minha ignorância, fazendo uma nota mental para verificar se os dicionários que consulto já a registavam. Mas antes de ir ao dicionário, lembrei-me de abrir o Ciberdúvidas, esse valiosíssimo manancial de perguntas e respostas sobre a língua portuguesa.
Verifiquei, com agrado, que os seus consultores repudiavam a existência de tal termo em português, chamando-lhe «mamarracho» e condenando a sua importação do inglês.

Percebo que, para quem usa jargão televisivo por motivos profissionais, a palavra "prequela" seja prática, sobretudo para traduzir rapidamente esse neologismo inglês, prequel, tão em voga actualmente a propósito dos filmes cujo enredo consiste numa analepse relativamente à história contada em filmes anteriores.

Mas concordo com o Ciberdúvidas: tem de haver limites para a ignorância e a preguiça que insistem em desvirtuar a nossa língua!

4 comentários :

Jaime disse...

Ai!, eu uso a palavra "prequela"! E "sinopse" para os resumos dos filmes. (Passando para o inglês, ainda temos "trailer" e "teaser".)

O Educopata disse...

Estamos sempre a aprender. Não sabia da existência de tal palavra.

S. Leite disse...

Atenção: ignorância e preguiça dos que, sabendo que a palavra é um "mamarracho", continuam a preferir usá-la. Não dos que, por motivos profissionais, se vêm obrigados a empregá-la para se fazerem entender.

Chicago RDG disse...

Prequela realmente não existe.
Mas poderia muito facilmente ser entendido como pré-sequela.