02 fevereiro 2012

"Muitos de nós sentem" ou "muitos de nós sentimos"?


A concordância verbal tanto se pode estabelecer com o determinante indefinido  (ou quantificador) “muitos” como com o pronome pessoal “nós”, portanto podemos dizer «muitos de nós sentem um certo desconforto», por exemplo, ou «muitos de nós sentimos um certo desconforto».
À partida, a expressão partitiva “muitos de” deve levar-nos a flexionar o verbo na 3.ª pessoa do plural (considerando esses “muitos”, seja do que for). Se tivéssemos o sujeito “muitos do grupo” faria com certeza mais sentido dizer “muitos do grupo sentem um certo desconforto” e seria bastante estranho dizer “muitos do grupo sente um certo desconforto”.
No entanto, o pronome nós implica a pessoa que fala, então há toda a legitimidade em usar o verbo na 1.ª pessoa do plural: muitos de nós sentimos... Do mesmo modo, aliás, se eu faço parte do grupo, até posso dizer “muitos do grupo sentimos um certo desconforto”, por um processo de silepse, que é uma forma de concordância não estritamente gramatical, mas antes estabelecida de acordo com o sentido, tendo em conta a realidade a que se alude.

2 comentários :

Matheus disse...

Obrigado pela dica!!!

Matheus disse...

Aproveito para dar os parabéns pelo espaço!!