19 maio 2008

Quem encontra os 10 erros presentes neste texto ?


As acções eficazes de voluntariado dependem da boa-vontade de uma minoria preserverante, embora muitos hajam no sentido de ajudar o próximo no dia a dia. Só apartir do momento em que o Governo e as autarquias adequem a legislação às necessidades efectivas dos mais carênciados e de quem os assiste poderão haver condições para querer que a sociedade é solidária, pois promove o bem e incentiva os cidadãos a pratica-lo.

7 comentários :

Sofia disse...

boa-vontade, preserverante, hajam, apartir, adequem, carênciados, pratica-lo, querer, cidadão, dia a dia.

Acertei nos dez erros?

Anónimo disse...

1)boa vontade e não, boa-vontade;
2)preseverante e não, preserverante;
3)ajam de agir e não, hajam de existir;
4)a partir e não, apartir;
5)Autarquias e não, autarquias;
6)poderá e não,poderão;
7)seja solidaria e não, é solidária;
8) promovem e não, promove;
9)incentivam e não, incentiva;
10) cidadaõs e e não, cidadão.

Estarei correcta? Aguardo o seu texto corrigido.

Manel

S. Leite disse...

Desculpem, "os cidadão" era gralha e já está corrigida! Oops :-S

Mafalda Sant'Ana disse...

- boa-vontade
- preserverante
- hajam
- dia a dia
- apartir
- carênciados
- é (deve ser seja)
- pratica-lo
Os outros dois não descubro!

Isabel Queen disse...

boa-vontade
perserverante
hajam
dia a dia
apartir
carênciados
poderão
é solidária
pratica-lo.

falta-me um....

por favor diz-me que este texto nao e 'verdadeiro'....

S. Leite disse...

Ora, então os erros são estes:

1) *boa-vontade (é boa vontade)
2) *preserverante (é perseverante, de perseverar, atenção, Manel!)
3) *hajam (é ajam, do verbo agir)
4) * dia a dia (é dia-a-dia, por ser substantivo)
5) *apartir (é separado: a partir)
6) *adequem (é com acento: adeqúem)
7) *carênciados (sem acento: carenciados, pois o "a" é que é tónico)
8) *poderão haver (é impessoal: poderá haver)
9) *querer (é crer, acreditar)
10) *pratica-lo (com acento: praticá-lo, pois o "a" final é aberto e tónico)

Obrigada por terem participado!! Não, Isabel, este texto não é "verdadeiro" ;)

Anónimo disse...

Fiquei decepcionado comigo, mas obg, da mesma e faça mais textos deste. São desafios interessantes.

Manel