20 Junho 2011

A personagem ou o personagem?

A palavra personagem tem no étimo o mesmo vocábulo latino que a palavra pessoa: persona. Acontece, porém, que ao contrário de pessoa, que é do género feminino e foi herdada do latim, o termo personagem (personne + sufixo -age) terá entrado na língua portuguesa por via do francês. Ora, em francês, ao contrário do que acontece em português, muitos  nomes acabados em -age, como massage, paysage, fromage, voyage, heritage, são masculinos.
Assim se justificará que em português o termo personagem possa, ainda hoje, assumir este género – sobretudo quando designa alguém (real) que se destaca pelas suas qualidades ou pela sua posição social – embora possa também ser do género feminino, à semelhança de pessoa, e tal como outros nomes terminados em -agem, sejam eles provindos do francês (massagem, viagem, passagem, garagem,  “chaufagem* – esta é a brincar!), sejam derivações por sufixação, como contagem, escovagem, plumagem e raspagem. Assim, as personagens das narrativas de ficção podem ser homens ou mulheres, exactamente como as pessoas (pessoa, personagem, criança, vítima, etc. são chamados nomes femininos sobrecomuns), não sendo necessário falar "do personagem" de um romance apenas por ser do sexo masculino.

Deste modo, e ainda que alguns de nós tenham ouvido os professores dizerem que os nomes terminados em -agem são todos femininos em português, pelo menos este (personagem) será um caso excepcional, uma vez que pode assumir os dois géneros.

* Chauffage é palavra francesa que os portugueses adoptaram para designar o aquecimento ou ventilação nos automóveis, mas que no entanto suscita muitas dúvidas na pronúncia e na escrita, variando entre “chofage”, “chofagem”, “sofagem”, “solfagem” e sabe-se lá que mais... nenhuma delas está atestada em português, tanto quanto pude apurar.

10 comentários:

Adriana disse...

Parabéns pelo blogue.
Quanto a «personagem», sempre usei a forma feminina, pois a masculina seria galicismo, como bem indicaram.
Agora quanto a todas as palavras em -agem serem femininas, além do caso indicado, não é verdade, pois há uma outra que é sempre masculina: pagem.
:)
Um abraço e continuação de bom trabalho!

S. Leite disse...

Olá, Adriana. Também caí nessa do pagem e fui à procura ao dicionário, verificando, com espanto, que não estava lá.... é que se escreve pajem!!

Odinilson Lima disse...

Muito interessante !
Sempre falei a/o personagem.

Ps: Numa prova de espanhol eu já errei uma coisa boba ! Eu pus "la personaje". Assim como no francês, no espanhol sempre é masculino. Mas a falta de atenção...

Anónimo disse...

Interessante ,mas como fica no plura devo diser as personagens ou os personagens.
Um exemplo:
Maria e Fábio são as personagens centrais da trama.
Isto estaria correto?

S. Leite disse...

Eu prefiro "são as personagens centrais", mas sei que há dicionários que legitimam a possibilidade do masculino.

RT disse...

Olá.

Não querendo desfazer a explicação dada ao tema, permitam-me esclarecer que não é possível utilizar a palavra personagem no masculino, porque, justamente como descreveu e bem, deriva do latim persona e por isso deve utilizar-se unicamente no feminino.
Já agora, para informação, todas as palavras portuguesas terminadas em "agem" são femininas :)

RT disse...

Olá!

Não querendo desfazer a explicação dada ao tema, permitam-me esclarecer que não é possível utilizar a palavra personagem no masculino, porque, justamente como descreveu e bem, deriva do latim persona e por isso deve utilizar-se unicamente no feminino.
Já agora, para informação, todas as palavras portuguesas terminadas em "agem" são femininas :)

O SOM DE SAPUCAIA disse...

Então como escrevo?
Vários personagens
ou
Várias personagens

S. Leite disse...

Prefiro sempre o feminino, mas a verdade é que se encontra legitimada a possibilidade de dizer e escrever "o personagem", sobretudo com o significado de "pessoa que se destaca pela sua posição social". Confirme em:
http://www.infopedia.pt/pesquisa-global/personagem

RT disse...

Olá.

Venho retificar o meu anterior comentário, já que, depois de consultar a página Ciberdúvidas da Língua Portuguesa, cujo acompanhamento, desde já, aconselho sem medida, pude confirmar que é efetivamente possível utilizar personagem quer no masculino, bem como no feminino.

Podem consultar a explicação mais detalhada aqui:
http://www.ciberduvidas.com/pergunta.php?id=300